Fortes, paliçadas e redutos enquanto estratégia da política de defesa portuguesa: O caso da capitania de Pernambuco - 1654-1701

Dissertação de Mestrado apresentada ao curso de Pós-Graduação em História da Universidade Federal de Pernambuco. A partir da historiografia colonial e dos documentos de ação do Estado Português, é discutido como as mudanças na política de defesa de Portugal influenciaram as reformas do poder militar em Pernambuco, em específico na questão das fortificações, nas primeiras décadas após 1654.

  • Dissertação
  • Bruno Romero Ferreira Miranda
  • UFPE
  • 2006
  • Recife
  • Português
  • 148 Páginas.

Contribuições

Atualizado em 01/04/2008 pelo tutor Projeto Fortalezas Multimídia (Lucas).



Imprimir o conteúdo


Cadastre o seu e-mail para receber novidades sobre este projeto


Fortalezas.org > Bibliografia > Fortes, paliçadas e redutos enquanto estratégia da política de defesa portuguesa: O caso da capitania de Pernambuco - 1654-1701