Fortifications of Peribebuí

Piribebuy, Cordillera - Paraguay

Search for fortification's images

Date 1 Date 2

Medias (4)

Images (4)

As "Fortificações de Peribebuí" localizavam-se na cidade de Piribebuy, no departamento Cordillera, ao norte do Paraguai.

História

Ao final da Guerra da Tríplice Aliança (1864-1870), a partir de abril de 1869, o Marechal-de-Exército príncipe Gastão de Orleans, Conde d'Eu (1842-1922), assumiu o comando das forças brasileiras, decidindo-se atacar o remanescente das forças paraguaias fortificadas na Cordilheira, a partir do sul, utilizando-se a ferrovia Assunção-Paraguari como linha de reabastecimento das tropas.

Foi escolhido como ponto de convergência das forças aliadas, a pequena cidade de Peribebuí, visando golpear ali a retaguarda de Francisco Solano López. Essa posição, dominante sobre uma pequena ondulação do terreno, estava fortificada por uma linha de trincheiras, artilhada com dezoito canhões e um morteiro, e guarnecida por um efetivo de 1.800 homens.

O assalto ocorreu a 12 de agosto de 1869 por um combinado de 20.000 homens das forças aliadas, dos quais 19.000 brasileiros do 1º Corpo de Exército, sob o comando do então Marechal-de-Exército Manuel Luís Osório (1808-1879), ainda não totalmente recomposto dos ferimentos recebidos na batalha de Avaí. Pelo lado paraguaio pereceram 700 combatentes, caindo prisioneiros de guerra 1.100 homens. Pelos aliados houve 53 mortos, entre os quais o brigadeiro João Manuel Mena Barreto, e 446 feridos.

Foi no episódio da batalha de Peribebuí que o Marechal Conde d'Eu foi acusado de ter mandado incendiar o hospital da cidade, causando a morte dos feridos ali abrigados, bem como de ter açoitado e degolado na presença da esposa, o comandante da praça, tenente-coronel Pedro Pablo Caballero, por este ter-se recusado a declarar-se rendido como exigia o príncipe e devido à morte de Mena Barreto. (DORATIOTO, Francisco. "Maldita Guerra". São Paulo: Companhia das Letras, 2002.)

Características

Exemplar de arquitetura militar, abaluartado,

Apresentava planta quadrada, com baluartes pentagonais nos vértices, em estilo Vauban. Em seu interior, ao abrigo das muralhas, erguiam-se as edificações de serviço, dispostas em torno da praça de armas.

  • Fortifications of Peribebuí


  • Fortifications Group





  • Paraguay


  • Missing

  • Monument with no legal protection





  • Disappeared

  • ,00 m2

  • Continent : South America
    Country : Paraguay
    State/Province: Cordillera
    City: Piribebuy



  • Lat: 0 -0' 0'' | Lon: 0 -0' 0''




  • 18 canhões e 1 morteiro.






Print the contents


Register your email to receive news on this project


Fortalezas.org > Fortification > Fortifications of Peribebuí