Bateria de Nossa Senhora da Piedade

Lagos, Faro - Portugal

Search for fortification's images

Date 1 Date 2

Medias (1)

Images (1)

A “Bateria de Nossa Senhora da Piedade” localizava-se na ponta da Piedade, a oeste da baía de Lagos, cidade e concelho de mesmo nome, distrito de Faro, em Portugal.

Integrava o conjunto defensivo da Praça-forte de Lagos.

História

Não se conhece com exatidão a data de construção de uma fortificação para a defesa das antigas armações de pesca de atum da Torralta e Torraltinha.

No contexto da Dinastia Filipina (1580-1640), sob o reinado de Filipe IV de Espanha (1621-1665), sendo Governador e Capitão-General do Reino do Algarve D. Luís de Sousa de Almeida, 2.º conde do Prado, 5.º senhor de Beringel (1629-16??), foi instalada uma plataforma de madeira artilhada com 1 peça para defesa da armação de pesca da Torralta. É de assinalar que as armações de pesca da Torralta e Torraltinha já existiam no reinado de João I de Portugal (1385-1433) e o Infante D. Henrique já beneficiava do rendimento das mesmas. No planalto da zona do farol da Piedade existem as ruínas das vigias denominadas da Torre Alta e da Torre Altinha.

Mais tarde, em 1754, no tempo do Governador do Reino do Algarve, D. Rodrigo António de Noronha e Meneses, existiu junto da Ermida da Piedade um parapeito onde estavam montadas 3 peças de artilharia. Essa bateria foi arrasada pelo maremoto consequente do terramoto de 1 de novembro de 1755. Posteriormente, em 1765, a estrutura foi reconstruída, com 2 edificações: quartel e paiol para pólvora.

O atum, abundante na costa do Algarve, tinha um grande inimigo, o roaz-corvineiro ("Tursiops truncatus"), que fazia grandes ataques aos cardumes mesmo quando estes já se encontravam capturados dentro das armações. Desse modo, os pescadores pediam ao governador da praça para que fossem efetuados alguns tiros das peças de artilharia para os afugentar, o que na maioria das vezes resultava. A entrada deste predador na armação constituía um desastre pois o atum em “majua” investia em força contra a rede para fugir, rompendo-a.

Em 1821 o conjunto encontrava-se em ruínas, mas no lajedo da plataforma ainda jaziam 2 peças de bronze, desmontadas.

Pouco depois, quando da Guerra Civil Portuguesa (1828-1834) aqui foi montada 1 peça de artilharia do calibre 13 (in "História das Fortificações da Praça de Lagos").

A estrutura não chegou até aos nossos dias.



 Related character


 Print the Related character

Related bibliography 


 Print the Related bibliography

Contribution

Updated at 30/08/2014 by the tutor Carlos Luís M. C. da Cruz.

Contributions with medias: Carlos Luís M. C. da Cruz (1).


  • Bateria de Nossa Senhora da Piedade


  • Battery





  • Portugal


  • Missing

  • Monument with no legal protection





  • Disappeared

  • ,00 m2

  • Continent : Europe
    Country : Portugal
    State/Province: Faro
    City: Lagos



  • Lat: 37 -5' 11''N | Lon: 8 40' 10''W










Print the contents


Register your email to receive news on this project


Fortalezas.org > Fortification > Bateria de Nossa Senhora da Piedade