Fort of São Francisco

Santa Cruz das Flores, Autonomous Region of Azores - Portugal

Search for fortification's images

Date 1 Date 2

Medias (1)

Images (1)

O “Forte de São Francisco” localizava-se na freguesia e concelho de Santa Cruz das Flores, costa leste da ilha das Flores, na Região Autónoma dos Açores, em Portugal.

Constituiu-se em uma fortificação destinada à defesa deste ancoradouro contra os ataques de piratas e corsários, outrora frequentes nesta região do oceano Atlântico.

História

No contexto da Guerra da Sucessão Espanhola (1701-1714), na sequência do ataque de corsários franceses sob o comando de René Duguay-Trouin à ilha de São Jorge, que resultou no saque das vilas das Velas e da Calheta (1708), o que provocou grande apreensão nas demais ilhas, sobretudo na Terceira, a Coroa portuguesa enviou o brigadeiro António do Couto de Castelo Branco ao arquipélago no ano seguinte (1709), com a missão de inspecionar o estado das fortificações e das guarnições pagas, bem como das milícias, nas ilhas dos grupos central e ocidental. (RODRIGUES, José Damião. "Da periferia insular às fronteiras do império: colonos e recrutas dos Açores no povoamento da América" in Anos 90, Porto Alegre, v. 17, n. 32, pp. 17-43, dez. 2010.) No tocante às ilhas das Flores e do Corvo, informou por carta ao soberano, ainda nesse mesmo ano, a existência, em ambas, de 14 Companhias de Ordenanças e de “seus fortes”, esclarecendo que “hoje tem armas as que bastam e munições que lhe mandou o Sr. Rei D. Pedro [I de Portugal (1683-1705)]“ e que “se lhe pozerem cinco peças pequenas (…) ficarão fortíssimas”. E concluiu “Nenhuma d’essas ilhas pode ser entrada, por serem mui fortes pela aspereza das costas e com pedras se podem defender.” (CASTELO BRANCO, António do Couto de (1892) – Carta a El Rey nosso Senhor em que lhe faz relação António do Couto das seis ilhas baixas e da Terceira, anno de 1709. In Arquivo dos Açores, vol. XII, 1892, pp. 470-471) O mesmo oficial, na relação "Fortificações nos Açores existentes em 1710" refere esta fortificação como "O Forte de S. Francisco." (Arquivo dos Açores, vol. IV, 1882, p. 181)

Encontra-se indicado na relação “Fortes existentes nas Flores e Corvo em 21 de julho de 1817” como “Forte de S. Francisco”.

Encontra-se registado em alçado e planta de autoria do Sargento-mor do Real Corpo de Engenheiros José Rodrigo de Almeida (1822) com o título "Fortaleza de S. Francisco da Villa de Sta. Cruz na Ilha das Flores, N.º 1".

Encontra-se relacionado por BAPTISTA DE LIMA (1982).

A estrutura não chegou até aos nossos dias.

Características

Exemplar de arquitetura militar, abaluartado, marítimo.

De acordo com a iconografia de ALMEIDA (1822) apresentava regulares dimensões, com planta no formato poligonal irregular. Em seus muros pelos lados do mar rasgavam-se 7 canhoneiras. Em seu terrapleno erguiam-se as dependências de serviço (casa do comando, quartel da tropa e casa da palamenta) e o acesso era feito pelo lado de terra.



 Related character


 Print the Related character

Related bibliography 


 Print the Related bibliography



Related links 

Fortificação - Ilha das Flores
Página do Instituto Histórico da Ilha Terceira (IHIT) com a bibliografia publicada no Boletim daquela instituição sobre as fortificações da ilha das Flores.

http://www.ihit.pt/new/fortes/flores.php

 Print the Related links

Contribution

Updated at 16/05/2020 by the tutor Carlos Luís M. C. da Cruz.

Contributions with medias: Carlos Luís M. C. da Cruz (1).


  • Fort of São Francisco

  • Fortaleza de São Francisco

  • Fort





  • Portugal


  • Missing

  • Monument with no legal protection





  • Disappeared

  • ,00 m2

  • Continent : Europe
    Country : Portugal
    State/Province: Autonomous Region of Azores
    City: Santa Cruz das Flores



  • Lat: 0 -0' 0'' | Lon: 0 -0' 0''










Print the contents


Register your email to receive news on this project


Fortalezas.org > Fortification > Fort of São Francisco