Forte velho de São Filipe

Cabedelo, Paraíba - Brazil

O Forte velho de São Filipe localizava-se na margem esquerda do rio Paraíba do Norte, em frente à ilha da Conceição (atual ilha da Restinga), no litoral do Estado da Paraíba.

Foi erguido no contexto da expedição do Almirante D. Diogo Flores de Valdés e do Capitão-mor da Paraíba Frutuoso Barbosa, para repressão dos corsários franceses e seus aliados indígenas na região. A construção do forte ficou a cargo do Capitão espanhol Francisco de Castrejón, seu primeiro comandante, que o deu por concluído a 01/mai/1584. Guarnecido com 110 soldados espanhóis do Regimento de Cavalaria de Olinda, foi denominado Forte de São Felipe, em homenagem ao rei de Portugal D. Felipe I (1580-98) e ao Santo do dia (GARRIDO, 1940:60). Face aos desentendimentos entre Frutuoso Barbosa e Castrejón, os índígenas potiguar, reforçados pelos tupiniquim, cercam a praça em fins de 1584, que foi socorrida por uma expedição preparada pelo Ouvidor-mór da Capitania de Pernambuco, Martim Leitão, no início do ano seguinte.

Diante da ameaça de novos ataques indígenas e da atividade de corsários franceses naquele litoral, sentindo-se desamparado, Castrejón faz evacuar o forte, que incendeia (05/jun/1585), quebrando o sino, e lançando a artilharia ao mar (BARRETTO, 1958:112-113). Castrejón dirige-se para Olinda, e a guarnição do forte se retira para o Forte de Itamaracá em Pernambuco.

Mesmo incendiada e desarmada, a posição abandonada foi ocupada por franceses e indígenas. Uma segunda expedição é preparada por Martim Leitão, a quem se junta João Tavares (out/1585). Este último negocia a paz com os índios Tupiniquins sob o comando de Pirajibe ("braço de peixe"), e juntos derrotam os índios potiguar. O forte foi reconstruído e reguarnecido, mas perde importância estratégica para o Forte do Cabedelo, sendo gradativamente abandonado. GARRIDO (1940) computa-o como antecessor do Forte do Cabedelo (op. cit., p. 60).

Conhecido como Forte Velho, SOUZA (1885) localiza-o uma légua acima do Forte de Santo Antônio, e relata que, à época (1885), nada restava desta estrutura (op. cit., p. 78). Suas ruínas encontram-se tombadas pelo Patrimônio Histórico e Artístico Nacional desde 1938.



 Related character


 Print the Related character

Related bibliography 


 Print the Related bibliography



Related links 

Fortim de Filipe
Página da Enciclopédia Wikipédia versando sobre o Fortim de Filipe, mais própriamente Fortim de Phillip, que localizava-se na região do rio dos Tucujus, afluente da margem esquerda do rio Amazonas, no litoral do atual Estado do Amapá, no Brasil.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Fortim_de_Filipe
Arquivo Noronha Santos
Link para o Arquivo Noronha Santos, pertencente ao Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional -IPHAN, que dispõe de uma base de dados sobre os bens culturais tombados nacionalmente, inclusive as fortificações no Brasil. Para encontrar as fortificações, faça uma pesquisa (busca) na seção Livros do Tombo.

http://www.iphan.gov.br/ans/inicial.htm

 Print the Related links

Contribution

Updated at 23/05/2013 by the tutor Roberto Tonera.

With the contribution of contents by: Carlos Luís M. C. da Cruz.


  • Forte velho de São Filipe

  • Forte de São Filipe; Forte de São Felipe; Forte Velho.

  • Fort

  • 1583 (AC)

  • 1584 (AC)

  • Francisco Castejon


  • Portugal


  • Ruins Badly Conserved

  • National Protection
    Patrimônio Histórico Nacional.
    Livro Histórico: Inscrição:098, Data:9-8-1938.
    Nº Processo:0048-T-38.





  • Ruins

  • ,00 m2

  • Continent : South America
    Country : Brazil
    State/Province: Paraíba
    City: Cabedelo

    Localizava-se na margem esquerda do rio Paraíba do Norte, em frente à ilha da Conceição (atual ilha da Restinga), no litoral do Estado da Paraíba.


  • Lat: 6 58' 39''S | Lon: 34 52' 21''W






  • O forte foi reconstruído e reguarnecido, após ter sido incendiado em 1585.




Print the contents


Register your email to receive news on this project


Fortalezas.org > Fortification > Forte velho de São Filipe