Forte da Ilha das Bexigas

Paraty, Rio de Janeiro - Brazil

O Forte da Ilha das Bexigas está localizado na Ilha das Bexigas, na enseada de Paraty, no litoral sul do Estado do Rio de Janeiro.

Uma povoação junto à praia do Pontal em Paraty (Vila Velha, atual Morro do Forte), remonta ao final do século XVI, estabelecida por paulistas oriundos de São Vicente. Ao longo do século seguinte, a povoação se transfere para o seu local atual (c. 1640 ou 1646), enquanto a economia da região cresce concentrando grande número de engenhos de açúcar, mas principalmente graças ao seu excelente ancoradouro e à proximidade com o Caminho dos Guaianás (índios nativos da região), que, subindo a Serra do Mar, dava acesso ao planalto paulista. Deste modo, em pouco tempo a povoação se separa de Angra dos Reis (1660), elevada a vila com o nome de Nossa Senhora dos Remédios de Paraty (1667).

Com o descobrimento de ouro nos sertões de Minas Gerais (1698), a partir de 1703 foram erguidos sete fortes para a proteção do acesso terrestre, do porto e da Vila de Paraty, início do caminho antigo das Minas, contra os ataques de corsários e de piratas. Dessas estruturas restam apenas o Forte Defensor Perpétuo e o Quartel da Patitiba. Dos demais, arruinados pelo tempo, subsistiam vestígios na estrada de Cunha (Forte da Estrada de Cunha), na praia de Icupê (Forte de Iticopé), na ponta Grossa (Forte da Ponta Grossa), na Ilha das Bexigas (Forte da Ilha das Bexigas) e na Ilha do Mantimento (Forte da Ilha do Mantimento).

De acordo com Souza (1885), este forte remonta a 1818, tendo sido melhorado e reforçado em 1822, juntamente com as defesas da vila. Acreditamos tratar-se, na realidade, de uma simples bateria, integrante do sistema de defesa da enseada de Paraty, seu ancoradouro e praias vizinhas. Como as demais estruturas, foi desarmado e desguarnecido em 1828 e em 1831, estando entregue à época à ação do tempo.

Através de uma pesquisa arqueológica recente realizada pela Zanettini Arqueologia, foram encontrados as ruínas da fortificação, com paredes de faxina e do antigo quartel das Bexigas – de alvenaria e pedra. Suas peças foram encontradas no chão em duas fileiras paralelas, por esta posição acredita-se que o material foi colocado em depósito aguardando a reativação da posição, algo que nunca ocorreu (CASTRO, 2009: 376).



 Related character


 Print the Related character

Related bibliography 


 Print the Related bibliography



Related links 

Fortificações de Paraty
Página da Enciclopédia Wikipédia versando sobre as Fortificações de Paraty, que se localizavam na enseada da atual cidade de Paraty, no litoral sul do Estado do Rio de Janeiro, no Brasil.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Fortifica%C3%A7%C3%B5es_de_Paraty
Fortificações de Paraty - Paraty Tur
Website versando sobre as seguintes fortificações localizadas na cidade de Paraty (Rio de Janeiro, Brasil): Forte Defensor Perpétuo, Fortaleza da Patitiba, Fortaleza de Iticupê, Forte da Ilha da Bexiga, Forte da Ponta Grossa, Fortim da Iha dos Meros, Guarda do Boqueirão do Inferno e Guarda do Curralinho.

http://www.paraty.tur.br/historia/monumentosmilitares.php

 Print the Related links

Contribution

Updated at 08/07/2010 by the tutor Projeto Fortalezas Multimídia (Amilton Matos).

With the contribution of contents by: Carlos Luís M. C. da Cruz.


  • Forte da Ilha das Bexigas


  • Fort


  • 1818 (AC)



  • Portugal


  • Abandoned Ruins






  • Ruins

  • 0,00 m2

  • Continent : South America
    Country : Brazil
    State/Province: Rio de Janeiro
    City: Paraty

    O Forte da Ilha das Bexigas está localizado na Ilha das Bexigas, na enseada de Paraty, no litoral sul do Estado do Rio de Janeiro.


  • Lat: 23 13' 32''S | Lon: 44 42' 41''W




  • Através de uma pesquisa arqueológica recente realizada pela Zanettini Arqueologia, suas peças foram encontradas no chão em duas fileiras paralelas, por esta posição acredita-se que o material foi colocado em depósito aguardando a reativação da posição, algo que nunca ocorreu (CASTRO, 2009: 376).

  • Através de uma pesquisa arqueológica recente realizada pela Zanettini Arqueologia, foram encontrados as ruínas da fortificação, com paredes de faxina e do antigo quartel das Bexigas – de alvenaria e pedra (CASTRO, 2009: 376).





Print the contents


Register your email to receive news on this project


Fortalezas.org > Fortification > Forte da Ilha das Bexigas