Bateria do Pontal de Sernambetiba

Rio de Janeiro, Rio de Janeiro - Brazil

A Bateria do Pontal de Sernambetiba, hoje desaparecida, estava localizada no pontal de Sernambetiba, no atual bairro do Recreio dos Bandeirantes, no litoral sudoeste da cidade (e Estado) do Rio de Janeiro.

Fortificação relacionada por Souza, em posição dominante no pontal de Sernambetiba, e que cooperava com a Bateria de Itapoã. Faziam parte do conjunto de baterias que defendiam o acesso à antiga Capital, por forças que desembarcassem entre a ponta da Gávea e a barra de Guaratiba, já desaparecidas à época (1885) (SOUZA, 1885: 113). À época do Império, devido às repetidas crises do período regencial, o Decreto de 24/dez/1831 manda desarmá-la, sendo desguarnecida.

Garrido segue a mesma informação, acrescentando que essas duas Baterias, em 1838, se encontravam sob o comando do Capitão Antônio José Leal de Barros (GARRIDO, 1940: 126).

Barretto computa um Fortim de Sernambetiba, e não uma, mas duas Baterias do Pontal. Essas estruturas sobre a praia no pontal de Itapuã, a oeste do pontal de Sernambetiba, teriam sido erguidas, como as demais da região, em 1775, durante o governo do Vice-rei D. Luís de Almeida Portugal (1769-79), para defesa daquele trecho do litoral. O mesmo autor refere ainda que duas das antigas peças que artilhavam estas posições se encontravam, à época (1958), no Museu Histórico Nacional, no Rio de Janeiro (BARRETTO, 1958: 252-255).

O historiador Adler Homero menciona que a bateria foi construída em 1822, no contexto do “Fico” (CASTRO, 2009: 358), quando o então príncipe regente D. Pedro de Alcântara foi contra as ordens das Cortes Portuguesas que exigiam sua volta a Lisboa, ficando no Brasil. O forte fazia parte do plano de defesa para o Rio de Janeiro nessa época, pois, o governo temia uma possível represália de Portugal. No projeto se previa a instalação de três a quatro canhões, com o objetivo de cobrir as duas praias que a ladeavam. Mas, ela foi armada com seis canhões de 6 libras, possuía quartéis de alvenaria e plataformas de madeira para os canhões, suas muralhas eram de faxina. Foi desarmada em 1826, em virtude do reconhecimento da independência do Brasil.

Encontra-se relacionada como Fortim de Semambitiba, entre as defesas do setor Sul (Fortificação de Semambitiba) no "Mapa das Fortificações e Fortins do Município Neutro e Província do Rio de Janeiro" de 1863, no Arquivo Nacional (CASADEI, 1994/1995:70-71).

 



 Related character


 Print the Related character

Related bibliography 


 Print the Related bibliography



Related links 

Bateria do Pontal de Sernambetiba
Página da Enciclopédia Wikipédia versando sobre a Bateria do Pontal de Sernambetiba, que se localizava no pontal de Sernambetiba, atual bairro do Recreio dos Bandeirantes), no litoral sudoeste da cidade e Estado do Rio de Janeiro, no Brasil.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Bateria_do_Pontal_de_Sernambetiba

 Print the Related links

Contribution

Updated at 23/05/2013 by the tutor Projeto Fortalezas Multimídia (Amilton Matos).

With the contribution of contents by: Carlos Luís M. C. da Cruz.


  • Bateria do Pontal de Sernambetiba

  • Fortim de Sernambetiba; Fortim de Semambitiba

  • Battery

  • 1775 (AC)



  • Luís de Almeida Portugal Soares de Alarcão d'Eça e Melo Silva Mascarenhas (2º Marquês de Lavradio)

  • Brazil

  • 1831 (AC)

  • Missing






  • Disappeared

  • ,00 m2

  • Continent : South America
    Country : Brazil
    State/Province: Rio de Janeiro
    City: Rio de Janeiro

    A Bateria do Pontal de Sernambetiba, hoje desaparecida, estava localizada no pontal de Sernambetiba, no atual bairro do Recreio dos Bandeirantes, no litoral sudoeste da cidade (e Estado) do Rio de Janeiro.


  • Lat: 23 2' 9''S | Lon: 43 28' 12''W




  • No projeto se previa a instalação de três a quatro canhões, com o objetivo de cobrir as duas praias que a ladeavam. Mas, ela foi armada com seis canhões de 6 libras.

  • Possuía quartéis de alvenaria e plataformas de madeira para os canhões, suas muralhas eram de faxina.





Print the contents


Register your email to receive news on this project


Fortalezas.org > Fortification > Bateria do Pontal de Sernambetiba