Bateria da Praia dos Anjos

Arraial do Cabo, Rio de Janeiro - Brazil

Search for fortification's images

Date 1 Date 2

Medias (2)

Images (2)

A Bateria da Praia dos Anjos, hoje desaparecida, estava localizada num promontório rochoso (morro da Fortaleza) entre a praia do Forno e a praia dos Anjos, na atual cidade de Arraial do Cabo, no litoral norte do Estado do Rio de Janeiro.

Não se sabe ao certo a data do início de sua construção, em 1824, já estava construída. Em virtude da visita do Imperador a Cabo Frio, a bateria passou por reformas em 1834 (CASTRO, 2009: 349-350).

Souza, a propósito do Forte de Cabo Frio cuja defesa complementava, cita o Relatório do General Antônio Eliziário (Tenente-general graduado Antônio Elzeário de Miranda e Brito) de 1841, que relaciona esta Bateria, artilhada com quatro peças. Também conhecida como Luneta do Sururu ou Fortaleza do Marisco, tratava-se de um pequeno posto de vigia em posição dominante da enseada dos Anjos e do ancoradouro na praia do Forno, constituido por parapeitos de alvenaria de pedra e cal em forma de "V", com uma pequena Casa da Pólvora protegida por uma parede dupla. A sua defesa era complementada por outro posto de vigia que lhe era oposto, no topo do morro da Atalaia, batendo o Oceano Atlântico (SOUZA, 1885: 112).

Em conjunto, essas estruturas tinham a função de observação dos navios em trânsito naquele litoral de, e para, o porto do Rio de Janeiro, dando aviso da passagem dos mesmos.

A bateria foi desarmada em 19 de novembro de 1859 (CASTRO, 2009: 350).

Beranger localiza esta estrutura no morro da Fortaleza, informando que na década de 1960 encontrava-se nos alicerces, subsistindo três das suas peças de artilharia. A quarta peça ornamentava uma residência particular na praia do Anjo (BERANGER, 1993: 64).

Encontra-se relacionada como "Sururu" entre as defesas do setor Norte (Fortificações de Cabo Frio) no "Mapa das Fortificações e Fortins do Município Neutro e Província do Rio de Janeiro" de 1863, no Arquivo Nacional (CASADEI, 1994/1995:70-71).

Desaparecida em data ignorada, atualmente desenvolvem-se estudos para a sua prospecção arqueológica, visando o seu aproveitamento turístico por parte da Prefeitura Municipal de Arraial do Cabo. Uma antiga peça de artilharia, proveniente de um navio afundado na região, pode ser observada à entrada do Centro Cultural Manoel Camargo, no centro de Arraial do Cabo.

Related bibliography 


 Print the Related bibliography



Related links 

Bateria da Praia dos Anjos
Página da Enciclopédia Wikipédia versando sobre a Bateria da Praia dos Anjos, que se localizava num promontório rochoso (o morro da Fortaleza) entre a praia do Forno e a praia dos Anjos, na atual cidade de Arraial do Cabo, no litoral norte do Estado do Rio de Janeiro, no Brasil.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Bateria_da_Praia_dos_Anjos

 Print the Related links

Contribution

Updated at 08/07/2010 by the tutor Projeto Fortalezas Multimídia (Amilton Matos).

With the contribution of contents by: Carlos Luís M. C. da Cruz.

Contributions with medias: Projeto Fortalezas Multimídia (Bernardo) (2).


  • Bateria da Praia dos Anjos

  • Luneta do Sururu; Fortaleza do Marisco

  • Battery

  • 1824 (AC)

  • 1824 (AC)



  • Brazil

  • 1863 (AC)

  • Missing


  • Prefeitura Municipal de Arraial do Cabo




  • Disappeared

  • 0,00 m2

  • Continent : South America
    Country : Brazil
    State/Province: Rio de Janeiro
    City: Arraial do Cabo

    A Bateria da Praia dos Anjos, hoje desaparecida, estava localizada num promontório rochoso (morro da Fortaleza) entre a praia do Forno e a praia dos Anjos, na atual cidade de Arraial do Cabo, no litoral norte do Estado do Rio de Janeiro.


  • Lat: 22 58' 14''S | Lon: 42 0' 53''W




  • O Relatório do General Antônio Eliziário (Tenente-general graduado Antônio Elzeário de Miranda e Brito) de 1841, relaciona esta Bateria artilhada com quatro peças (SOUZA, 1885: 112).
    A bateria foi desarmada em 19 de novembro de 1859 (CASTRO, 2009: 350).

  • Tratava-se de um pequeno posto de vigia em posição dominante da enseada dos Anjos e do ancoradouro na praia do Forno, constituido por parapeitos de alvenaria de pedra e cal em forma de "V", com uma pequena Casa da Pólvora protegida por uma parede dupla (SOUZA, 1885: 112).





Print the contents


Register your email to receive news on this project


Fortalezas.org > Fortification > Bateria da Praia dos Anjos