Brás Cubas

Portugal

Brás Cubas (Porto, 1507-1592) foi um fidalgo e explorador português.

Filho de João Pires Cubas e sua esposa, Isabel Nunes, chegou ao Brasil em 1531.

Naquele mesmo ano, sendo nomeado Provedor e Contador das rendas e direitos da Capitania de São Vicente, determinou a construção do Forte de São Felipe, na ilha de Santo Amaro. Também ordenou a ereção do Forte de Nossa Senhora do Monserrate, por conta da incursão de Tamoios ao litoral paulista.

Em 1536 recebeu sesmarias em Jurubatuba, onde desenvolveu a agricultura. As dificuldades nas deslocações ao porto de São Vicente levaram a que fundasse, naquelas terras, uma povoação. Vários habitantes foram atraídos para o local e, em 1543, Brás Cubas, tendo adquirido a contígua ilha de São Vicente, fundou aí a primeira Santa Casa da Misericórdia do Brasil (possivelmente, a primeira das Américas). Construiu ainda o Hospital de Santos, à semelhança do que existia em Lisboa, que veio dar origem ao nome da povoação, atual cidade de Santos, no estado de São Paulo. Nomeado capitão-mor de São Vicente, em 1545, conferiu à localidade o estatuto de vila.

Contribution

Updated at 02/07/2019 by the tutor Carlos Luís M. C. da Cruz.




Print the contents


Register your email to receive news on this project


Fortalezas.org > Character > Brás Cubas