Antonio de la Puebla

Spain

D. Antonio de la Puebla (15??-Angra, 7 de julho de 1595) foi um militar espanhol. No contexto da Dinastia Filipina, exerceu o cargo de Mestre-de-Campo do terço espanhol nos Açores, entre 1592 e 1595.

Sendo já  "homem de muita idade", no dizer de frei Diogo das Chagas, recebeu o comando do presídio militar espanhol nos Açores das mãos do capitão Diego Suarez de Salazar, que o assegurara interinamente após a partida para a Corte do Mestre-de-Campo Juan de Horbina.

O seu nome está ligado ao início das obras do Castelo de São Filipe do Monte Brasil. As obras tiveram início em  1593 ou já em 1594, começando pelo baluarte de Santa Catarina. Recebeu ordens específicas para seguir o projeto do engenheiro militar italiano ao serviço da Coroa espanhola, Tiburzio Spannocchi. Para superintender as obras, foi enviado para a Terceira outro engenheiro militar italiano, Anton de Coll, funções que exerceu até à sua morte, em 1618.

Se de início houve disponibilidade financeira para contratar o pessoal e adquirir os materiais necessários à construção, o mesmo não ocorria quanto ao pagamento do soldo dos militares, tendo la Puebla chegado a retirar dos fundos destinados às obras, dinheiro para socorrer a tropa. Por alturas da sua morte, porém, já começava a haver sinais de abrandamento das obras por falta de dinheiro.

Bibliografia:

FARIA, Manuel. Governadores do Presídio Militar Espanhol nos Açores (3): D. Antonio de la Puebla. In Diário Insular, ano LXXII, n.º 22712, 14 jun 2019, p. 13. 

 

Contribution

Updated at 26/06/2019 by the tutor Carlos Luís M. C. da Cruz.




Print the contents


Register your email to receive news on this project


Fortalezas.org > Character > Antonio de la Puebla