Alambor

Denomina-se "alambor" à parte reforçada e saliente na base de uma parede ou muralha.

Elemento de arquitetura militar, foi introduzido pela Ordem do Templo na Terra Santa, visando dificultar o assalto às muralhas de uma fortificação pelos atacantes. O material utilizado para a sua confecção geralmente era a pedra.

Os sitiantes viam desse modo dificultadas as tarefas de aproximação de equipamentos de ataque típicos da época, como torres de assalto, arietes e escadas, e mesmo os trabalhos de sapa das muralhas. Por outro lado, a linha de tiro (com armas de projeção) dos sitiados, a partir do topo das muralhas, era facilitada, uma vez que não necessitavam expôr-se em demasia para atingir quaisquer elementos que se aproximassem do pano da muralha.

Em Portugal, foi introduzido pelo Mestre da Ordem do Templo, D. Gualdim Pais, no Castelo de Tomar. Este possuía, em toda a extensão das suas muralhas, um alambor, que além de ser o pioneiro, é também o mais extenso no país.

Contribution

Updated at 09/01/2016 by the tutor Carlos Luís M. C. da Cruz.

 


Print the contents


Register your email to receive news on this project


Fortalezas.org > Entry