http://www.fortalezas.org
Fort of Nossa Senhora da Mãe de Deus

, -

 

O "Forte de Nossa Senhora da Mãe de Deus", tambem referido como "Forte da Mãe de Deus", "Forte da Povoação", “Castelo da Povoação” e "Castelo de Afonso Vaz”, localiza-se entre a zona da Ribeira e a Praia, na freguesia e concelho da Vila da Povoação, costa Sudeste da ilha de São Miguel, na Região Autónoma dos Açores, em Portugal.

História

No contexto da Guerra da Sucessão Espanhola (1701-1714) encontra-se referido pelo brigadeiro António do Couto de Castelo Branco na relação "Fortificações nos Açores existentes em 1710" como "O Reduto no logar da Povoaçam." (Arquivo dos Açores, vol. IV, 1882, pp. 178-181)

Ao final do século XVIII, a “Relação dos Castelos e mais Fortes da Ilha de S. Miguel do seu estado do da sua Artelharia, Palamentas, Muniçoens e do q.' mais precizam”, pelo major engenheiro João Leite de Chaves e Melo Borba Gato, informava:

"Forte da Povoação - No Destricto de V.a Franca, pouco mais de 3 legoas a Leste da V.a ficando o da Ribr.a Quente 2 ½ esta cituado em meio de hu'a pequena praia de ceixo miudo, e serve esta de porto do lugr: tem hu'a ruina em o flanco direito, Oeste, não tem portoens, as cazas abatidas; porem o mais em bom estado: tem 7 canhoneiras, e 7 peças desmontadas, palamenta, e muniçoens nada." (BORBA GATO, 2000)

A "Relação" do marechal de campo Júlio José Fernandes Basto, 1.º barão de Basto, comandante da 10.ª Divisão Militar (Açores), em 1862 denomina-o de "Forte da Mãe de Deus”, e informa que "Tem alojamentos em soffrivel estado". Sobre o estado geral da estrutura esclarece que se encontrava "Em soffrivel estado, mas aprezenta um rombo nas muralhas do lado do mar que não sendo tapado dará lugar a maiores ruinas." E observa:

"Pode desde já desprezar-se como obra defensiva, pelas razões acima ditas. Entretanto, como os alojamentos do forte tem servido de cadeia civil e de habitação para o carcereiro, e as suas muralhas defendem a Villa da invasão do oceano, conviria q. fosse entregue á respectiva Camara M.al, para tratar da sua conservação como uma obra de utilidade para o Concelho." (Op. cit., p. 269)

Encontra-se relacionado por BAPTISTA DE LIMA (1982), que registou: "Forte da Mãe de Deus, na Vila da Povoação, sendo uma das maiores fortalezas antigas da Ilha. Dele só existia em 1881 uma casa térrea."

Existe projeto para o aproveitamento dos seus restos como quebra-mar. (Arquivo Histórico Militar, apud REZENDES, 2009:24)

Em nossos dias subsistem apenas os seus vest~igios, com algumas frestas que serviam para vigia, incorporados ao quebra-mar.

Características

Exemplar de arquitetura militar, abaluartado, marítimo.

Constituiu-se em um forte de pequenas dimensões, em cujos muros pelo lado do mar rasgavam-se 7 canhoneiras. No terrapleno erguia-se a edificação de serviço.




  • Fort of Nossa Senhora da Mãe de Deus

  • Forte da Mãe de Deus, Forte da Povoação, Castelo da Povoação, Castelo de Afonso Vaz

  • Fort





  • Portugal


  • Semiconserved Ruins

  • Monument with no legal protection





  • Ruins

  • 300,00 m2

  • Continent : Europe
    Country : Portugal
    State/Province: Autonomous Region of Azores
    City: Povoação



  • Lat: 37 -45' 15''N | Lon: 25 14' 49''W




  • Séc. XVIII (final): 7 peças de artilharia antecarga, de alma lisa, desmontadas.










Contribution

Updated at 18/05/2020 by the tutor Carlos Luís M. C. da Cruz.

Contributions with medias: Carlos Luís M. C. da Cruz (1).