Introdução à história militar brasileira

A finalidade desta obra é disponibilizar aos leitores uma base sólida de conhecimentos relativos à história militar terrestre brasileira. Em razão disso, em sua elaboração foram priorizados fatos relativos à História do Exército Brasileiro. Não obstante, acontecimentos concernentes às forças militares navais e aéreas também são abordados, quando relevantes aos temas tratados. Ademais, o estudo vai além da esfera castrense quando a história militar estiver entrelaçada aos campos político, econômico, social e cultural.

O presente estudo foi elaborado pelos professores da Cadeira de História Militar que ministraram aulas no ano de 2010. Foi dividido em dez capítulos, de acordo com as unidades didáticas, assuntos e objetivos constantes no Plano de Disciplina de História Militar do Brasil.

No primeiro capítulo, Durland Puppin de Faria discorre sobre as Instituições Militares do Brasil - Colônia, do século XVI. Aponta influências lusitanas e nativas sobre a formação das primeiras organizações militares que atuaram no Brasil e relata as lutas contra invasores que não reconheciam o direito de Portugal às terras recém-descobertas.

No segundo capítulo, Elonir José Savian aborda as Guerras Holandesas. Explica porque os holandeses invadiram o Brasil, relata os esforços luso-brasileiros para expulsá-los, e destaca as Batalhas dos Guararapes, marcos simbólicos da gênese do Exército Brasileiro.

No terceiro capítulo, Valter Rabelo Teixeira apresenta a evolução das Instituições Militares do século XVII até a Independência do Brasil. Enfatiza a atuação militar na defesa, expansão e consolidação das fronteiras nacionais e ressalta a importância das fortificações coloniais.

No quarto capítulo, Érico de Almeida Silva trata das ações militares da independência até a eclosão da Guerra da Tríplice Aliança. Expõe a atuação do Exército em prol da independência e da integridade territorial do Brasil. Também salienta a ação pacificadora do Duque de Caxias na resolução de conflitos internos e externos.

No quinto capítulo, Paulo Henrique Barbosa Lacerda versa sobre a Guerra da Tríplice Aliança. Analisa as causas do conflito e discorre sobre o seu desenrolar, abordando as Campanhas do Mato Grosso, do Rio Grande do Sul e do Paraguai.

No sexto capítulo, João Barbosa da Silva descreve a ação do Exército Brasileiro na manutenção da ordem interna da Proclamação da República até a II Guerra Mundial. Explana sobre relevantes conflitos internos, entre os quais as Guerras de Canudos e do Contestado, as Revoluções de 1930 e de 1932, o Movimento Tenentista, e a Intentona Comunista.

No sétimo capítulo, Luiz Emílio Da Cás relata a participação do Brasil na II Guerra Mundial. Enfatiza a mobilização, a instrução e a campanha da Força Expedicionária Brasileira no Teatro de Operações da Itália, destacando as operações desencadeadas no Vales dos Rios Serchio, Reno e Pó.Termina analisando a influência da participação do Brasil na II Guerra Mundial sobre a doutrina militar do Exército Brasileiro.

No oitavo capítulo, Alexsander Soares Elias expressa as ações do Exército Brasileiro na manutenção da ordem interna, no desenvolvimento nacional e no contexto internacional, após a II Guerra Mundial. Ressalta a atuação do Exército Brasileiro em prol das instituições democráticas, do progresso da pátria e da paz mundial.

No nono capítulo, Elton Licério Rodrigues Machado analisa a evolução do ensino militar da fundação da Real Academia Militar, Fortificação e Desenho até os dias atuais. Entre outras questões, explica os diferentes processos de ensino-aprendizagem adotados na formação militar e as implicações disso decorrentes.

No décimo capitulo, Elton Licério Rodrigues Machado explica a evolução doutrinária do Exército Brasileiro da Independência até os dias atuais. Entre outros aspectos, expõe sobre o esforço do Exército Brasileiro em atualizar-se doutrinariamente, por meio da adoção ou do aprimorando de inovações surgidas no seio da Ciência e da Arte da Guerra.

  • Book
  • Exército Brasileiro / Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN)
  • 2015
  • Resende
  • Portuguese
  • Durland Puppin de Faria (Org.), 392 p., il., color.
  • Download

Related fortifications

Contribution

Updated at 28/05/2020 by the tutor Projeto Fortalezas Multimídia (Jéssica Pedrini).



Print the contents


Register your email to receive news on this project


Fortalezas.org > Bibliography > Introdução à história militar brasileira