QUEM RESTAUROU ANHATOMIRIM? A luta de memórias e a memória do poder instaladas no processo de patrimonialização da Fortaleza de Santa Cruz de Anhatomirim

O artigo tem como objetivo analisar a luta de memórias e a memória do poder instaladas na tensão entre os diferentes atores sociais envolvidos no processo de patrimonialização da Fortaleza de Santa Cruz de Anhatomirim, localizada em Florianópolis (SC), a partir das narrativas registradas no CD-ROM Fortalezas Multimídia, produzido pela Universidade Federal de Santa Catarina. Também discute as disputas de poder entre estes sujeitos identificadas no entrecruzamento de suas narrativas, descortinando a memória do poder presente em suas falas. Adota-se como referencial Walter Benjamin em suas concepções de memória e experiência.

  • Article - Proceedings
  • Pedro Mülbersted Pereira
  • Associação Brasileira de História Oral
  • 2016
  • Porto Alegre
  • Portuguese
  • In: XIII Encontro Nacional de História Oral, 01 a 04 de maio de 2016. Associação Brasileira de História Oral/UFRGS, 23 p.
  • Download

Contribution

Updated at 22/06/2020 by the tutor Roberto Tonera.



Print the contents


Register your email to receive news on this project


Fortalezas.org > Bibliography > QUEM RESTAUROU ANHATOMIRIM? A luta de memórias e a memória do poder instaladas no processo de patrimonialização da Fortaleza de Santa Cruz de Anhatomirim