Búsqueda por Bibliografías

Documento Impreso, 1863, João Francisco de Souza Coutinho

Relatório do Vice-Presidente da Província de Santa Catarina, João Francisco de Souza Coutinho, em 1862

"Relatório apresentado ao Exm. Presidente da Província de Santa Catarina, o Capitão Tenente Pedro Leitão da Cunha, pelo Vice-Presidente, o Comendador João Francisco de Souza Coutinho, por ocasião de passar-lhe a administração da mesma Província, em 26 de dezembro de 1862." (Ao final do documento está grafada incorretamente a data de 26 de dezembro de 1863). No que diz respeito às fortificações de Santa Catarina, na página 9 informa que o Batalhão do Depósito era comandado pelo coronel Guilherme Xavier de Souza, estava bem aquartelado (no Quartel do Campo do Manejo?) e contava com 473 praças, entre oficiais, soldados e agregados. Na página 10 informa que a Enfermaria Militar estava a cargo deste batalhão, e que a Companhia de Inválidos, a ele adida com 41 praças, era comandada pelo tenente reformado José Cardoso da Costa. O relatório apresenta uma tabela com o número de praças do Batalhão do Depósito e da Companhia dos Inválidos que se achavam destacados nas fortalezas de Santa Cruz de Anhatomirim (13 soldados), São José da Ponta Grossa (3 soldados) e Santa Antônio de Ratones (6 soldados). Na página 17, o relatório mencionou a Colônia Militar de Santa Teresa e o estado em que esta se encontrava. Na página 21, o relatório informa sobre uma pretendida reforma no Forte de Santa Bárbara, para nele funcionar a Capitania do Porto, obra que aguardava a autorização do Ministério da Marinha. A presidência da província também aguardava a autorização do Ministério da Guerra para realizar obras complementares no Depósito de Artigos Bélicos.

ver más


Registre su correo electrónico para recibir noticias sobre este proyecto


Fortalezas.org > Búsqueda por Bibliografías