Forte Dorothea

Akwida, Western - Gana

Pesquisa de Imagens da fortificação

Data 1 Data 2

Mídias (1)

Imagens (1)

O “Forte Dorothea” localizava-se na cidade de Akwida, na região Ocidental, no litoral do Gana.

Foi uma das diversas fortificações erguidas pelos europeus na chamada “Costa do Ouro”, inicialmente para o comércio de ouro e madeiras e, posteriormente, para o tráfico de escravos para as Américas.

História

A Companhia Bradenburguesa de África (Kurfürstliche Brandenburgisch-Afrikanische Compagnie), fundada em 1682, estabeleceu uma pequena colónia na África Ocidental, que consistia em dois estabelecimentos no golfo da Guiné, na altura do cabo Three Points:

- o Forte Gross Friedrichsburg, iniciado em 1682, que se tornou a capital;

- o Entreposto de Akwida, iniciado em abril de 1684.

O entreposto de Akwida foi ocupado por forças Neerlandesas entre 1687 e 1698, sendo por estas reforçado e ampliado, e renomeado como "Fort Dorothea".

Em 15 de janeiro de 1701, a “Costa do Ouro Brademburguesa” passou a ser conhecida como “Costa do Ouro Prussiana”, três dias antes que o Príncipe Eleitor de Brandenburgo e Duque da Prússia se auto-coroasse como rei da Prússia.

De 1711 a abril de 1712 os Neerlandeses ocuparam novamente o Forte Dorothea.

Em 1717 a colónia foi abandonada fisicamente pela Prússia, o que permitiu que, entre 1717 e 1724, as forças de Jan Conny, ocupassem o Forte Gross Friedrichsburg, a partir de 1721 em oposição ao domínio Neerlandês, uma vez que naquele ano, os direitos sobre a colónia prussiana foram vendidos aos Neerlandeses, que a renomearam como “Hollandia”, e passando a integrar a “Costa do Ouro Neerlandesa”.

Pelos termos dos Tratados Anglo-Neerlandeses de 1870-1871 a Costa do Ouro Neerlandesa foi formalmente cedida ao Reino Unido (6 de abril de 1872).

De acordo com o “National Monuments Instrument” (EI 42, 1972), encontra-se classificado como Monumento Nacional.

Encontra-se classificado como Património Mundial pela UNESCO como um dos Fortes e Castelos em Volta, Grande Acra e regiões Central e Ocidental, desde 1979.

Atualmente encontra-se em ruínas.

Características

Exemplar de arquitetura militar, abaluartado.

De pequenas dimensões apresentava planta triangular. (VAN DANTZIG, 1980:38)

Bibliografia

VAN DANTZIG, Albert. "Forts and Castles of Ghana". Accra: Sedco Publishing Ltd., 1980. ISBN 9964-72-010-6



Links relacionados 

Forte Dorothea
Descrição em inglês do Fort Dorothea, no site Ghana Museums & Monuments Board.

http://www.ghanamuseums.org/forts/fort-dorothea.php
Fortificações em Gana
Página sobre fortificações do Ghana Museums and Monuments Board (GMMB), responsável legal pela preservação do património cultural material e imaterial de Gana, na África (a página principal é: http://www.ghanamuseums.org/index.php). Aqui podem ser encontrados conteúdos sobre dezenas de fortificações classificadas como monumentos nacionais de Gana.

http://www.ghanamuseums.org/forts/forts-castles.php

 Imprimir Links relacionados

Contribuições

Atualizado em 06/01/2016 pelo tutor Carlos Luís M. C. da Cruz.

Contribuições com mídias: Carlos Luís M. C. da Cruz (1).


  • Forte Dorothea


  • Forte

  • 1684 (DC)




  • Alemanha


  • Ruínas Conservadas

  • Proteção Nacional
    Patrimônio Mundial-UNESCO
    De acordo com o “National Monuments Instrument” (EI 42, 1972), encontra-se classificado como Monumento Nacional.
    Encontra-se classificado como Património Mundial pela UNESCO como um dos Fortes e Castelos em Volta, Grande Acra e regiões Central e Ocidental, desde 1979.





  • Ruínas

  • ,00 m2

  • Continente : África
    País : Gana
    Estado/Província: Western
    Cidade: Akwida



  • Lat: 4 -46' 33''N | Lon: 2 2' 13''W










Imprimir o conteúdo


Cadastre o seu e-mail para receber novidades sobre este projeto


Fortalezas.org > Fortificação > Forte Dorothea