Ismail Adil Shah

India

Abul Fatah Ismail Adil Khan, também referido como Ismail Adil Shah (Bijapur, 1498 - Sagar, 27 de agosto de 1534), foi um governante do Sultanato de Bijapur, na região ocidental do Decão, no sul da Índia.

Passou a maior parte de seu reinado a estender o seu território. Embora de curta duração, o seu reinado ajudou a dinastia estabelecer uma sólida posição no Decão.

Biografia

Ainda menor, sucedeu ao seu pai, Yusuf Adil Shah, como sultão de Bijapur. Os assuntos do Estado eram então geridos pelo ministro Kamal Khan. Durante esta fase, Kamal Khan aprisionou o jovem soberano e tentou um golpe de estado. Punji Khatun, mãe de Ismail articulou um contra-golpe bem sucedido, e Kamal Khan foi esfaqueado até à morte no palácio real.

Após a morte de Kamal Khan, o seu filho, Ismail Khan, impôs sitio ao palácio, a fim prender Punji Khatun e Ismail Adil Shah. Entretanto, Ismail Khan foi morto em combate às portas do palácio. Ismail começou a gerenciar os assuntos do Estado com a ajuda de sua mãe. Foi um seguidor do Xiismo, que declarou fosse a religião do Estado.

Invadiu Kasim-Barid em Bidar. Mais tarde Kasmim-Barid com os sultões islâmicos de Ahmadnagar, Berar e Golconda invadiu Bijapur. Entretanto, Ismail Adil Shah foi capaz de defender o próprio território. Nesta batalha, Mahmud Shah de Bidar e seu filho, Ahmed, foram tomados como prisioneiros.
Bibi Sali, irmã de Ismail Adil Shah, casou-se com Ahmed Shah de Ahmadnagar e, desse modo, as hostilidades foram convertidas em aliança.

Ismail governou pacificamente até vir a empreender uma guerra contra Nizam Shah de Ahmednagar, que não o ajudou durante a sua conquista contra Timraj de Vijayanagar. Nizam Shah estava insatisfeito porque lhe havia sido prometido o Forte de Sholapur como dote quando se casou com a irmã de Ismail, Mariam, forte esse que nunca lhe foi entregue. Nizam Shah tentou posteriormente conquistar Sholapur pela força, vindo a sentir o sabor da derrota quando Ismail marchou contra si e lhe capturou quarenta elefantes de guerra.

Por alguma razão Ismail invadiu Bidar. Enquanto Kutubshah estava vindo para ajudar Amir Birad, Ismail enviou o seu general de confiança, Asad Kahan, para deter Kutubshah, o que fez com sucesso, mais tarde vindo a capturar Amir Birad quando ele estava bêbado. Com a assinatura de um tratado Amir Birad concordou em ceder Homnabad e Bidar. Ismail entrou em triunfo no Forte de Bidar, sentando-se com pompa no trono, o mesmo em que seu pai havia servido. Após algum tempo Amir Birad recuperou o favor de Ismail Adil Shah e recuperou o forte.

Durante a sua campanha contra Golconda, Ismail adoeceu e veio a falecer. Encontra-se sepultado na vila de Gogi. Um mausoléu e uma mesquita foram-lhe atribuídos. Após a sua morte, o seu filho mais velho, Mallu, foi coroado. Foi entretanto deposto pouco depois, pela conjugação de esforços de sua avó e seu general, Asad Khan. O seu irmão mais novo, Ibrahim Adil Shah, foi declarado sultão.

Contribution

Updated at 15/03/2015 by the tutor Carlos Luís M. C. da Cruz.




Print the contents


Register your email to receive news on this project


Fortalezas.org > Character > Ismail Adil Shah