Manuel da Silva Mafra

Brazil

Manuel da Silva Mafra, o Conselheiro Mafra (Desterro, 12 de outubro de 1831 — Niterói, 11 de março de 1907) foi um advogado e político brasileiro.

Filho de Marcos Antônio da Silva Mafra e de Maria Rita da Conceição Mafra, bacharelou-se em direito pela Faculdade de Direito de São Paulo, em 1855.

Foi deputado à Assembleia Legislativa Provincial de Santa Catarina na 13ª legislatura (1860 — 1861), na 17ª legislatura (1868 — 1869), na 19ª legislatura (1872 — 1873), na 22ª legislatura (1878 — 1879), e na 25ª legislatura (1880 — 1881).

Foi deputado geral do império na 18ª legislatura (1882 — 1884) e na 19ª legislatura (1885 — 1886).

Foi presidente da província do Espírito Santo, nomeado por carta imperial de 16 de fevereiro de 1878, de 16 de dezembro de 1878 a 25 de janeiro de 1879.

Foi ministro da Justiça no gabinete liberal de Martinho Álvares da Silva Campos, de 1 de fevereiro a 3 de julho de 1882.

A solução judicial da Guerra do Contestado deve-se ao dossiê por ele elaborado, intitulado Exposição Histórico-Jurídica por Parte do Estado de Santa Catarina. Em homenagem à sua vitória na questão dos limites entre os Estados de Santa Catarina e Paraná, seu nome foi dado ao município de Mafra, este na margem esquerda do rio Negro, desmembrado do município de nome homônimo ao rio, que ficou pertencendo ao Paraná.

É patrono da cadeira 33 da Academia Catarinense de Letras.

Está sepultado no Cemitério do Senhor dos Passos, em Florianópolis.

Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Manuel_da_Silva_Mafra

Contribution

Updated at 23/11/2012 by the tutor Projeto Fortalezas Multimidia (Jefté).




Print the contents


Register your email to receive news on this project


Fortalezas.org > Character > Manuel da Silva Mafra